Porque é NATAL!

Regina Menezes Loureiro

Penso muito em você, nesta data,

em nossa amizade tão querida!

Agradeço, em preces sinceras.

Sorrio por entre lágrimas de felicidade

ao relembrar nossa amizade.

Cultivo pepitas de amor durante meus sonhos

para lhe oferecer como delicado presente.

São lembranças que envolvo em teias de cristal

para alegrar toda família, neste Natal.

Porque é Natal, vivo intensamente

e procuro novos valores

para festejar este Grande Dia.

Lembro a amizade que se benfazeja.

Mesmo que o Natal chegue, passe, voltará ...

faço agora uma prece pela paz,

por todos que amam, e sabem perdoar...

Aos amigos envio votos de muita saúde

embalados numa prece de esperança.

Enquanto tantos sofrem

lembro de todas as guerras e,

faço orações

de esperança,

de amor

de fraternidade.

Preciso acreditar:

num mundo de fé,

de caridade.

Que este Natal seja um novo início,

o início de um ano cheio de

paz, amor e prosperidade.