GRUTA DA ONÇA

A Rua Barão de Monjardim está situada no Centro da Cidade de Vitória. É estreita e curta e seu trajeto se faz a pé, numa caminhada saudável do dia a dia. Oferece paz interior e aconchego

Sustenta uma colina verdejante, considerada o pulmão verde junto ao coração da Cidade, denominada “Gruta da Onça” desde 1988. Essa colina verdejante está localizada nos contra fortes do Maciço Central, no município de Vitória.

Tem o seu nome ligado a uma lenda.

Contam que um índio havia debruçado para beber água em fonte que existe no lugar, quando se deparou com a imagem de uma onça no espelho das águas, pronta para dar um bote. O índio se desesperou e desceu o disparada, em direção ao mar, sempre perseguido pelo feroz animal.

O índio entrou no mar e foi socorrido por colonos que afugentaram a onça.

O Parque Municipal “Gruta da Onça” é local de muita visitação e se tornou ponto turístico.

Na entrada principal do Parque, existe a figura uma onça de granito, em posição de ataque, ao lado da nascente, entre plantas agreste e cascalhos, expondo aos olhos de visitantes, a agressividade do verdadeiro animal.

A subida até o alto do Parque é longa, porém muito agradável, protegida pela sombra das árvores.

Um manto verde, uma camada uniforme de ramos dos ipês, perobas, jacarandás, mulembás, onde os sabiás, os bem-te-vis encrespam suas asas em voos rasantes, quebram o silêncio agreste, trazendo os visitantes para maior comunhão com a natureza.

Às vezes o rastejar de um réptil entre as folhas secas, à guisa de cobra, nos assusta quando o cri... cri...dos grilos e o esvoaçar de borboletas alegram o verdejante cenário da Colina.

A vida a gente ama.

Quando os ipês se cobrem de flores amarelas, a cor do Brasil, o visitante se veste de verde.